Anais e Proceedings

Os anais da “1ª Mostra de Boas Práticas de Inclusão Escolar” estão online

A primeira edição da Mostra de Boas Práticas de Inclusão Escolas ocorreu no dia 23 de setembro de 2016 na Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) com a intenção de compartilhar essencialmente as experiências vivenciadas por profissionais ligados com práticas de inclusão nas escolas. Caso tenha perdido o evento, não se preocupe, os 26 trabalhos apresentados estão disponíveis de forma online na plataforma Galoá Proceedings.

A Mostra consegue atingir como público-alvo tanto os profissionais da educação básica, quanto pesquisadores e demais interessados na temática. Isso porque uma das exigências para apresentação das experiências no formato de pôster ou slides é que fossem montadas de forma atraente e com imagens e coesão, sendo que todas tiveram tempo de 10 minutos de exposição e 5 minutos para debate entre os participantes.

Para os profissionais da área, também foi oferecido pelo evento 10 oficinas de formação continuada, como: “Estratégias de ensino, adaptações e recursos para a escolarização inclusiva do aluno com Deficiência Visual”, oferecida por Vanessa Paulino, “Atividades musicais como ferramenta para auxiliar no desenvolvimento de crianças com deficiência”, organizada por Valéria Asnis, ou “Produção de materiais didáticos de baixo custo numa perspectiva inclusiva”, oferecida por Josiane Torres (demais oficinas que foram oferecidas você pode conferir aqui).

Todos os trabalhos completos foram classificados no eixo temático de “Relato de experiência” e contém entre seus temas os títulos “A roda de conversa como estratégia inclusiva”, “Demandas de formação de professores para inclusão de alunos em territórios de alta vulnerabilidade social” e “Efeitos da aplicação de manejo comportamental pelo professor em sala de aula para redução de comportamentos hiperativos”.

Esses e os demais relatos de experiência, você pode conferir aqui, na plataforma Galoá Proceedings.