Aplicativos para Eventos

MedTrop lança aplicativo para a sua 53ª edição

Entre os dias 27 a 30 de agosto de 2017 ocorrerá pela primeira vez em Cuiabá, capital de Mato Grosso, o 53º Congresso de Medicina Tropical (MedTrop), promovido pela Sociedade Brasileira de Medicina Tropical (SBMT) e realizado pela Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT) e pela Universidade Estadual do Mato Grosso (UNEMAT).

Outra novidade notável da edição é que o evento conta com aplicativo mobile exclusivo, desenvolvido pelo Galoá, para iOS e Android. Isso porque o MedTrop busca conectar de forma rápida e eficiente pesquisadores e profissionais de medicina do mundo inteiro para promover o debate sobre doenças tropicais, como Chagas, Malária e Leishmaniose, e também reforçar novas recomendações que para serem utilizadas na atualização e formação de profissionais e agentes da saúde.

Com o aplicativo em mãos, os participantes poderão checar a programação do evento, pesquisar resumos dos trabalhos apresentados (por autor, título da pesquisa ou eixo temático) e montar sua própria agenda com as palestras, apresentações e minicursos que deseja participar. Ao adicionar uma atividade na sua agenda, o aplicativo irá notificar o usuário 15 minutos antes do início sobre o local e horário que ela irá ocorrer. O congressista que se manter conectado a internet também irá receber notícias em tempo real do evento, como mudanças de horário e local de palestras.

Segundo a comissão organizadora, nesta edição o congresso pretende reunir aproximadamente 2.000 congressistas e terá como tema principal “Ambiente e Doenças Tropicais: Desafios para Campos e Cidades”.

Além de promover o debate central entre os participantes, o evento também abre espaço para as discussões sobre as principais pesquisas realizadas ou em andamento sobre as doenças tropicais e para a divulgação de novidades sobre medicamentos e diagnósticos para colaborar com o Estado na elaboração de novas políticas públicas.

Seguindo a tendência da edição anterior, a reunião ChagasLeish volta a ocorrer durante o congresso, assim como a reunião sobre Malária.

O MedTrop 2017 contará com minicursos e os congressistas poderão apresentar seus trabalhos submetidos (mediante aprovação da comissão científica) nas categorias de apresentação oral e pôster. Os eixos temáticos abordados no MedTrop 2017 serão:

  • Acidentes por animais peçonhentos
  • Agravos Diversos
  • Arboviroses
  • Doença de Chagas
  • DST/AIDS
  • Entomologia
  • Esquistossomose
  • Hanseníase
  • Leishmanioses
  • Malária
  • Micoses
  • Moluscos
  • Outras infecções bacterianas
  • Outras infecções parasitárias
  • Outras infecções virais
  • Tuberculose

Vale destacar a importância geográfica para a escolha da cidade de Cuiabá como anfitriã do congresso, conforme explica Daniela Peres, representante da Indústria d’Eventos, empresa responsável pela organização do Medtrop:

“Cuiabá é o centro geodésico da América do Sul e é o único estado do Brasil onde se encontram 3 biomas: Pantanal, Cerrado e Floresta Amazônica, por isso foi oportuna a decisão de sediar o Medtrop, considerando que Cuiabá é a porta da Amazônia e que é o principal ambiente para a ocorrência das principais doenças tropicais do Brasil..” - Daniela Peres, representante da empresa organizadora de eventos Indústria d’Eventos.

O evento irá conceder três diferente prêmios: O prêmio de Jovem Pesquisador será entregue para os 3 finalistas das categorias graduação, mestrado e doutorado, sendo que o primeiro colocado irá receber também a quantia de mil reais junto com a certificação.

Ao ganhador do prêmio Pesquisador Senior da SBMT será entregue a Medalha do Mérito Científico Carlos Chagas. O regulamento ressalta que o ganhador deve ter mais de 70 anos, ter contribuído com pesquisas relevantes para a medicina tropical brasileira, além de outras qualidades a serem avaliadas. A decisão será tomada por uma comissão formada pelos membros da diretoria da SBMT e será anunciada durante a cerimônia de abertura.

A última categoria de premiação é de Jornalista Tropical, que continua na 53ª edição do congresso com o diferencial de incluir também o formato online na concorrência. O prêmio busca homenagear os profissionais da comunicação que tiveram um papel importante na divulgação dos problemas e soluções de males típicos de países tropicais. Os ganhadores das três categorias (TV, Impresso e Online) receberão o título de Jornalista Tropical 2017 além de uma quantia em dinheiro.

Vai participar do 53 MedTop? Faça o download da primeira versão do aplicativo para seu smartphone e fique preparado para o congresso!

Seu evento com aplicativo!

Converse com a nossa equipe sobre os benefícios de ter um app exclusivo para seu congresso

"O aplicativo Galoá é, sem dúvida, uma novidade e um investimento importante para nosso evento, cujo objetivo é tornar a experiência do congressista mais interativa e produtiva ao nos aproximar dos participantes, sem falar que o app também nos ajuda na gestão do simpósio". - Prof. Dr. Douglas Gherardi (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais)